Tire o máximo partido da GoodHabitz...

Brindemos a uma colaboração extraordinária! A sua empresa vai começar a colaborar com a GoodHabitz ou já o faz há algum tempo e agora esta cooperação vai ser aprofundada. A aprendizagem e o desenvolvimento pessoal são importantes para si, pelo que quer facilitar ao máximo o crescimento dos seus colaboradores. No entanto, nem toda a gente vai dar os primeiros passos da melhor maneira. Algumas pessoas, embora ávidas de conhecimento, precisam de um pequeno empurrão na direção certa. "Mas como podemos fazer isso?" É uma pergunta que os nossos coaches ouvem todos os dias. Neste artigo, vamos explicar-lhe como pode implementar o programa da GoodHabitz com êxito em 10 simples passos.

e dos seus colaboradores!
EN Blog Empower Your Employees With Goodhabitz@2X

Empodere os seus colaboradores com a GoodHabitz

A primeira impressão tem uma grande influência e não há hipótese de voltar atrás. É por isso que queremos que os seus colaboradores sejam devidamente apresentados à GoodHabitz. Depois disto, vai querer que a GoodHabitz lhes fique para sempre na memória pelos melhores motivos. Siga estes passos e deixe uma excelente primeira impressão junto dos seus colaboradores.

Fase 1: Preparação

Tudo começa por uma preparação rigorosa e detalhada. Se lançar uma base sólida, a implementação terá tudo para ser bem-sucedida!

Passo 1. Cultive o apoio generalizado.

Se quiser começar a sua colaboração com a GoodHabitz da melhor maneira, é essencial que toda a equipa de gestão conheça a sua intenção e que a apoie. Se não tiver o apoio da direção, será complicado implementar o programa da GoodHabitz sem atritos. É provável que já tenha reunido algum apoio numa fase inicial, quando abordou o tema da GoodHabitz com todas as partes interessadas. Agora que chegou o momento da implementação em toda a empresa, voltar a envolvê-los será uma jogada inteligente.

Estas são as pessoas que deve ter em conta nesta fase:

  • Membros da administração.
  • Diretores.
  • Os departamentos de RH e de F&D.
  • Pessoal de comunicação (interna).
  • Colaboradores pioneiros (os early adopters)

Para envolver efetivamente estas pessoas no processo, tem de explorar a função que desempenham ou podem desempenhar (modelo a seguir, influenciador, iniciador) e explicar-lhes o que se espera delas (enviar e-mails, organizar reuniões de equipa ou simplesmente dar um bom exemplo). Nesta fase, existem várias medidas que pode tomar:

  • Organizar uma sessão de inspiração: o objetivo desta reunião (que pode ser realizada através do Zoom, do Teams ou de outra app de reuniões qualquer) é explicar a importância da GoodHabitz. O seu coach também participará para ajudar.
  • Promover o GoodScan: peça às rtes interessadas para fazerem o GoodScan. Este teste vai ajudá-lo a descobrir que tipo de relação tem com a aprendizagem e quais são os cursos que melhor se adequam às suas necessidades. Para as partes envolvidas e para todos os outros colaboradores, o GoodScan é uma excelente forma de se familiarizarem com a GoodHabitz. Para ter uma ideia concreta, leia este artigo sobre como o GoodScan foi promovido junto dos funcionários da H&M.
  • Fazer o devido acompanhamento: reúna-se com todos as partes interessadas para debater o resto do processo e as expetativas de toda a gente envolvida. O que precisa de acontecer para que a aprendizagem online seja considerada um sucesso na sua empresa? De que forma se vão medir os resultados? Que condições é necessário reunir para que o processo seja bem-sucedido? Peça o contributo de toda a gente, para que possam fazer parte do processo ativamente. Partilhe tudo o que foi debatido num e-mail ou através de uma apresentação para poder ter uma base sólida de apoio.

Passo 2. Estabeleça uma forte base técnica.

O próximo passo destina-se a garantir que todas as questões técnicas estão em ordem. Muitos aspetos dependem da maneira como vai utilizar os cursos.

Tem um sistema de gestão da aprendizagem (LMS) próprio? Então, recomendamos que integre todos os nossos cursos online no seu LMS e que os seus colaboradores tenham as condições para encontrar facilmente o conteúdo dos mesmos. Não se esqueça de fazer o seguinte:

  • Integre todos os cursos.
  • Certifique-se de que é tudo testado meticulosamente.
  • Disponibilize os cursos da GoodHabitz de uma forma atrativa e acessível. Para tal, pode publicar imagens do curso e adicionar uma breve descrição, por exemplo.

Tenciona utilizar o nosso site e uma ligação SSO (início de sessão único)? Se for o caso, os seus colaboradores não precisarão de uma palavra-passe pessoal para aceder aos nossos cursos.

  • Estabeleça uma ligação SSO com o administrador operacional da sua empresa.
  • Tem uma ligação em direto? Apresente a ligação avançada do SSO ao colocar um botão de chamada à ação num local onde esteja bem visível (na intranet, na ferramenta online de RH ou no LMS).
  • Opcional: crie ligações avançadas para cada curso em separado através do URL com um prefixo especial. O seu coach e o técnico de SSO da GoodHabitz terão todo o gosto em ajudar.

Vai utilizar o catálogo de cursos em goodhabitz.com e enviar um e-mail aos seus funcionários com um convite pessoal? Está com sorte, porque já tratámos de uma grande parte deste trabalho. Lembre-se de fazer o seguinte:

  • Reveja o processo de convite.
  • Opcional: crie equipas no back office para poder ver relatórios de departamentos ou locais específicos.
  • Certifique-se de que sabe como funciona o painel de controlo. Este é o local onde poderá ver e reenviar os seus convites.

Depois de ter concluído todos estes procedimentos, estará pronto para o passo seguinte!

Passo 3. Comece a divulgar.

Assim que as partes interessadas se tenham integrado no processo e que tenha lançado a base técnica, está na altura de começar a divulgação da sua ideia. Deve aguçar a curiosidade dos seus colaboradores e partilhar conteúdo é uma boa forma de o fazer. De qualquer maneira, é importante que eles tenham a noção clara da essência da GoodHabitz e de como podem tirar partido dela. Neste vídeo (que pode partilhar à vontade), explicamos tudo com clareza.

Após ter apresentado a GoodHabitz a toda a gente, está na altura de entrar nos cursos mais aprofundadamente. Para tal, pode partilhar trailers dos cursos que sejam mais relevantes face à atualidade ou para a sua empresa em geral.

*Pode ver os outros trailers no nosso canal do YouTube.

Depois, temos o Promo Studio, a ferramenta ideal para criar pequenos vídeos e todo o tipo de material promocional para divulgar cursos específicos. Quer saber como funciona o Promo Studio? Veja o nosso vídeo explicativo de 2 minutos abaixo!

Fase 2. O lançamento.

Este é o momento para envolver toda a gente e dar início à sua aventura de aprendizagem à escala empresarial. Qual é o objetivo? Entusiasmar os colaboradores e criar condições para começarem com o pé direito. É a isso que se resume esta fase: um pontapé de saída empolgante e bombástico.

Passo 4. Organize uma sessão inicial.

Organize uma sessão global de introdução para assinalar o lançamento. A maioria das empresas (consoante a dimensão) planeia uma grande reunião ou mais com o objetivo de gerar entusiasmo e explicar porque é que o desenvolvimento pessoal através da formação online é tão importante. Faz sentido que dê a palavra a um responsável dos RH ou a um representante da administração, seja nesta sessão ou numa fase posterior, para que este possa demonstrar publicamente o seu compromisso com o plano e explicar de que modo a GoodHabitz está relacionada com a visão da empresa. Recomendamos-lhe outra jogada inteligente para esta sessão: abordar temas importantes e dar uma tarefa a cada colaborador no final, para que todos percebam bem o que se espera de cada um e que se sintam motivados para trabalhar imediatamente.

Estas sessões de introdução podem, obviamente, ser realizadas digitalmente. Há inúmeras aplicações que podem ajudar a concretizar um lançamento digital. Já organizámos sessões introdutórias digitais para várias empresas no passado e estamos ao seu dispor para fazer o mesmo por si.

Passo 5. Comece a enviar convites.

Se optou por utilizar o nosso site como o ponto de acesso para os seus colaboradores, eles podem usar o respetivo endereço empresarial para criar uma conta individual. No painel de controlo, pode enviar-lhes um convite por e-mail com uma hiperligação de ativação da conta. É importante que faça tudo para que este convite desperte o interesse dos colaboradores e que os entusiasme. Afinal, é importante ajudá-los a ter um começo em grande!

Passo 6. Acompanhamento por parte da administração.

Para que o processo de iniciação seja bem-sucedido, a comunicação clara é essencial. Por outras palavras, é primordial falar constantemente da GoodHabitz. Pode criar uma campanha no Promo Studio para promover cursos específicos que sejam particularmente pertinentes para as metas da sua empresa. Incentive os colaboradores em nome da empresa, do departamento de RH ou da administração. E acima de tudo, certifique-se de que o incentivo vem também das respetivas chefias.

Palavras de incentivo por parte da empresa

Explique porque é importante que a empresa comece o programa de aprendizagem com a GoodHabitz. De que forma é que complementa a visão da sua empresa? Falar sobre a GoodHabitz é uma coisa, mas conseguir que esta se integre no seio da organização é outra. Contextualize e crie um sentido de urgência ao destacar os cursos que encaixam nos valores centrais da sua empresa, por exemplo.

Infographic

Incentivo das chefias diretas

A maneira mais importante e eficaz de estimular a utilização da GoodHabitz pelos colaboradores é o incentivo por parte das chefias diretas. Pela nossa experiência, assistimos a um aumento inegável na participação dos funcionários sempre que as chefias recomendam cursos. Especialmente numa fase inicial, um e-mail de um superior direto aos respetivos funcionários funciona na perfeição. Eis um exemplo de uma mensagem que pode ser enviada:

Provavelmente já sabem que temos acesso total à panóplia de cursos que a GoodHabitz tem para oferecer. É uma forma excelente de impulsionar o vosso desenvolvimento pessoal. Já deram uma vista de olhos ao catálogo de cursos? Algum deles despertou particularmente o vosso interesse? Gostaria de saber a vossa opinião e estou ao vosso dispor para vos ajudar a atingir as metas de desenvolvimento pessoal a que se propuserem!

Passo 7 (opcional). Envie um postal.

Na GoodHabitz, adoramos surpresas. É por isso que criámos alguns postais para que os gestores enviem aos respetivos membros de equipa. É uma forma original de os sensibilizar para o tema do desenvolvimento pessoal e de recomendar cursos específicos. Estes postais estão disponíveis no Promo Studio.

Passo 8. Promova o GoodScan.

E se os seus funcionários não souberem exatamente onde podem dar os primeiros passos? Com um vasto catálogo em constante expansão que abrange variadíssimos temas, é normal que os alunos não saibam por onde começar. É por isso que decidimos criar o GoodScan: uma espécie de autoavaliação engenhosa que ajuda os utilizadores a descobrirem quais são os seus talentos e qualidades. Este teste cria um Top 10 dos cursos mais adequados às necessidades de aprendizagem do utilizador. Sabemos em primeira mão que o GoodScan é a ferramenta perfeita para convencer os colaboradores mais hesitantes.

Vários clientes, entre eles a H&M, notaram um aumento significativo na atividade dos utilizadores depois de terem promovido o GoodScan. Gostaria de saber como pode fazer o mesmo? Veja o nosso webinar apresentado pelos coaches da GoodHabitz.

Goodscan

Fase 3. Ativação.

Algumas semanas após o lançamento, chega o momento da fase 3: a ativação, que se vai prolongar durante o resto do ano. Já deu a conhecer a GoodHabitz a toda a gente e até é provável que os colaboradores tenham feito alguns cursos, no entanto, mantê-los envolvidos e entusiasmados é uma tarefa totalmente diferente. Manter a relevância é primordial nesta fase. Por isso, esta é a altura para começar a trabalhar em temas que abranjam a empresa como um todo, associando os cursos a assuntos da atualidade e integrando a GoodHabitz uma parte integral da sua esfera de recursos humanos.

Passo 9. Associe os cursos a temas atuais na empresa.

Ao longo do ano, haverá vários motivos recorrentes para dar ênfase à GoodHabitz e ao desenvolvimento pessoal. Temos em consideração três níveis distintos: o nível empresarial, o nível da equipa e o nível individual. A chave? Mais uma vez, contextualizar e criar um certo sentido de urgência.

Como funciona?

Ao nível empresarial

É mais provável que os seus colaboradores façam um curso se estiverem intrinsecamente motivados, isto é, se sentirem a necessidade de o fazer. Debater os temas que estão na ordem do dia para a empresa e associá-los a cursos específicos aumenta o sentido de urgência para começar a aprender. Se quiser demonstrar a relevância da GoodHabitz no âmbito da empresa, será interessante se abordar assuntos da atualidade, interligando ao mesmo tempo o conteúdo dos cursos com os valores centrais da empresa. Suponha que a sua organização está a adotar o método Scrum. Fará sentido encaminhar as pessoas envolvidas para o nosso curso Scrum e pedir-lhes para realizarem uma das atividades práticas do curso.

Como já mencionámos, os valores centrais da sua empresa também são excelentes pontos de partida. Valores como o otimisto, a responsabilidade e o envolvimento podem ser abstratos e pouco claros para algumas pessoas. Ao associar esses valores a cursos específicos e explorá-los em sessões e atividades em equipa, pode torná-los mais tangíveis e fáceis de compreender. Este é apenas um caso possível, mas existem muitas mais opções. Por exemplo, utilize cursos específicos em planos de reintegração laboral ou para combater o absentismo dos funcionários no seu programa de integração ou combine-os com programas de desenvolvimento de gestão, programas de competências digitais ou planos de emprego sustentável. Use a sua criatividade e crie algo como a eleição do "aluno do mês" ou organize uma cerimónia de graduação para os colaboradores que terminarem um curso. Como vê, existem inúmeras formas de motivar a utilização dos cursos, para além de contar com a ajuda permanente do seu coach da GoodHabitz.

Ainda não acabámos com as sugestões! Outra opção é criar uma campanha para um tema específico, como lidar com o stress, trabalho de equipa ou satisfação no trabalho. Através do Promo Studio, pode criar todo o material promocional necessário para transformar a sua campanha num verdadeiro sucesso. Para facilitar ainda mais o processo, já temos algumas campanhas temáticas preparadas para si.

Ao nível da equipa

É aqui que os gestores entram em cena. Afinal, são eles que estão a par daquilo que se passa no departamento ou na equipa que gerem. É essencial envolvê-los se quiser trabalhar num tema que seja particularmente relevante para uma equipa em específico. Eis algumas ideias:

  • WorkOuts: estes guias práticos são breves sessões de preparação intensiva que se devem realizar com toda a equipa antes de um curso. Servem para ajudar toda a gente a estar em sintonia e a trabalhar rumo ao mesmo objetivo. Trata-se de um formato de eficácia comprovada que os gestores podem usar como modelo para uma sessão de trabalho em equipa bastante animada e dinâmica.
  • Alguma vez realizou (ou tenciona realizar) um inquérito de satisfação dos colaboradores? Se quiser concentrar-se nos pontos fortes e melhorar os pontos fracos em conjunto, esta é a melhor forma de começar. Inicie um diálogo para destacar os cursos mais relevantes.
  • O catálogo da GoodHabitz contém variadíssimos cursos que, mais tarde ou mais cedo, serão relevantes ao nível da equipa. Exciting Meetings, Go Team!, Teletrabalho em equipa, Engage ‘Em, Ownership… e a lista continua!

Ao nível individual

Ao nível individual, o gestor continua a ser um fator constante na comunicação. O desenvolvimento pessoal pode ser debatido em reuniões individuais entre o gestor e cada membro da equipa. Em que aspetos é que o colaborador gostaria de trabalhar? Quais são os cursos úteis nesse sentido? O que fará o colaborador a curto prazo para fomentar o crescimento pessoal? Através de um plano de ação pessoal (que se pode descarregar no Promo Studio), é possível chegar a acordos e manter um acompanhamento dos mesmos em fases posteriores.

Nestes casos, o resultado do GoodScan pode ser uma boa referência para começar. Note que o desenvolvimento pessoal deve ser mencionado em:

  • Avaliações de desempenho.
  • Reuniões individuais ou conversas periódicas.

Passo 10. Mostre à equipa que aprender pode ser divertido

Geralmente, quando falamos em aprendizagem, pensamos imediatamente em imagens de montanhas de livros entediantes. Se quiser mudar essa ideia, há algum trabalho a fazer. Apresente aos colaboradores os cursos da GoodHabitz e mostre-lhes como são fáceis e divertidos de fazer. A série de minidocumentários Momentos da GoodHabitz (na unidade 1 de cada curso), por exemplo, torna a aprendizagem tão empolgante como uma noite de cinema. Só faltam as pipocas! Sendo um dos nossos formatos mais populares, ao promovê-lo irá certamente fazer disparar o envolvimento dos funcionários. Também pode dar destaque às entrevistas que contam com intervenientes inspiradores, como o guru da produtividade David Allen (à esquerda) ou o ex-futebolista mundialmente famoso Ruud van Nistelrooy (à direita).

É importante ter em conta que os colaboradores não são obrigados a fazer literalmente todos os cursos, nem sequer a terminar um curso na íntegra. Com uma grande variedade de cursos, ainda mais unidades e inúmeras atividades práticas, os seus funcionários têm toda a liberdade para escolherem os temas e atividades que quiserem e não vai faltar por onde escolherem. Precisa de inspiração para saber como pode espalhar a mensagem? Veja o nosso breve documentário no qual explicamos a essência da nossa filosofia.

Moments

O seu apoio inabalável: o coach.

Não sabe qual deve ser o seu próximo passo? É possível que experimentar ideias criativas e inovadoras para dar a conhecer a GoodHabitz aos seus colaboradores seja mais difícil do que o esperado. Talvez o número de utilizadores envolvidos e a interação com os cursos pudessem ser melhores. Ou, se calhar, gostaria de conversar com alguém para analisar outras possíveis alternativas. Este é o nosso grande conselho: não hesite em contactar o seu coach. Ele terá sempre uma solução!

Quer ler em primeira mão
o artigo mais recente do nosso blogue?

Fantástico! Subscreva a nossa newsletter mensal e receba os artigos mais recentes do blogue diretamente na sua caixa de entrada.